Skip to content
‘Memórias de Maiara’, que narra luta de mãe e filha contra o câncer, doará renda ao Grendacc

‘Memórias de Maiara’, que narra luta de mãe e filha contra o câncer, doará renda ao Grendacc

O livro “Memórias de Maiara”, escrito por Ereide da Costa Cruz, mãe da ex-paciente do Grendacc (Grupo em Defesa da Criança com Câncer), Maiara, está à venda na recepção da instituição (rua Olívio Boa, nº 99, Parque da Represa) e pelo telefone (11) 4815-8440 por R$ 25,00. Toda a renda será revertida para o Grendacc e irá ajudar no tratamento de crianças e adolescentes com câncer, um sonho da jovem Maiara.

A obra é narrada por Ereide, de 46 anos, que conta o seu aprendizado diário durante a trajetória de vida e de luta de sua filha – desde quando chegou ao Grendacc, aos 14 anos, com um câncer em estágio avançado, passando por sua recuperação, alta, o ressurgimento da doença e sua morte, aos 19 anos, em janeiro de 2015. “Fiz esse livro para auxiliar outras mães que passam por essa situação tão delicada. Quero ajudá-las a se fortalecerem diante das dificuldades, a terem fé e, principalmente, a entenderem que a morte faz parte da vida, e não é o fim”, explica Ereide.

O outro objetivo é ajudar o Grendacc financeiramente, por isso toda a renda obtida com a venda do livro será revertida para o Hospital da Criança. De acordo com Ereide, na época em que fazia o seu tratamento Maiara sonhava em poder ajudar a instituição. Ela me disse: “Mãe, se o Rodrigo [Faro] vier até mim, vou pedir ajuda para construir o hospital do Grendacc, porque a gente sofre muito nos outros hospitais”, conta Ereide, enfatizando que o ator sempre conversava com a filha pelas redes sociais. Para quem não se lembra, Faro ajudou a jovem a realizar o sonho de ter uma festa de 15 anos por meio ONG “Make-a-Wish”.

“Escrever esse livro foi a forma que eu encontrei de realizar o sonho da minha filha”, explica Ereide. Segundo ela, desde o descobrimento da doença de Maiara passou a escrever num caderno tudo o que sentia e temia. Mas o deixou de lado após a morte da filha. Foi Verci Andreo Butalo, presidente do Grendacc, que a incentivou a terminar a obra e publicá-la. “O Grendacc sempre nos acolheu com carinho e cuidou muito bem da minha filha.”

Segundo Verci, este livro é o relato verídico de uma mãe que acompanhou dia após dia o calvário de sua filha querida em busca da cura para seu mal, que infelizmente não chegou a acontecer. “Maiara marcou sua passagem pela instituição de uma forma indelével, tanto para o corpo clínico quanto entre os pacientes que com ela estiveram dividindo espaço no ambulatório de quimioterapia”, comenta, lembrando que quando Ereide chegou ao Grendacc com o manuscrito sobre sua história não conseguiu ler. “Não conseguia relem¬brar tudo aquilo, uma vez que o óbito dela aconteceu poucos meses após o acidente que vitimou meu filho e eu sabia como ninguém a dor que essa mãe estava sentindo, por isso pedi a acadêmica Marilzes Petroni, para ler e colocar no papel a história que agora todos podem conhecer.”

A vice-presidente do Grendacc, Isabela Bastos Cardoso diz que a Instituição é muito grata a Maiara e sua família, porque esse livro conta também um pouco do que é o dia a dia do hospital e das famílias que são atendidas. “O livro é emocionante. A história da Maiara traduz a essência do propósito do Grendacc, que é o de valorizar a vida. É isso que fazemos, valorizamos a vida das nossas crianças proporcionando o acesso a um atendimento médico digno e conhecimento para minimizar os impactos doença”, diz Isabela.


Grendacc

O Grendacc (Grupo em Defesa da Criança com Câncer) é uma instituição filantrópica, sem fins lucrativos, fundada em 18 de julho de 1995, que visa oferecer um atendimento humanizado e de qualidade para crianças e adolescentes com doenças oncológicas e hematológicas.

 

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email